18 novembro 2006

Outono


O Outono é a despedida mais bonita. Como se a Natureza resolvesse dizer um até já e deixar um presente. Despede-se em cada dia de sol quente e céu frio, com o calor do Verão ainda impresso nas folhas caídas.

E estas cores lembram o aconchego e a presença de uma luz acolhedora que nos vais preparando para uma ausência fria, mas branca como a neve. Até que as flores tímidas aparecem a dizer olá! e vão plantando alegrias pequenas nas nossas paisagens.

Uma despedida adivinha um tempo de distância, mas deixa as marcas do que se viveu. E um tempo mais tarde, aparecem as mesmas sementes mais desenvolvidas e esperadas, e acompanha-nos de novo um sol onde se percorrem planícies ainda há pouco desertas e que oferecem agora espigas para serem tocadas nas palmas das mãos. E levadas pelo coração até onde for possível, que é sempre muito longe, para quem gosta da cor.

3 comentários:

Mahesda disse...

...todas as cores, todas as estações, todos as folhas, em seus matizes diversos, a mostrarem-nos que a nossa vida é Primavera... Verão... Outono... Inverno... Interiormente e exteriormente, conforme as etapas de crescimento, da infância à adolescência, passando pela juventude, até à idade adulta... vivemos as estações da nossa própria vida...

Mahesda disse...

Apreciei muito o texto e, não menos, a fotografia postada.

An@ disse...

Que bom ver pelas tuas palavras a chegada do outono :)

 

Cidade Eterna © 2010

Blogger Templates by Splashy Templates