11 novembro 2006

Conformismo? ... Nem por isso!


Há acontecimentos que são tão habituais na nossa vida. E memórias que nos vão levando nos anos, que deixam de nos impressionar como no primeiro momento, mas que trazem sempre as mesmas sensações, vistas com outra experiência.

Esta imagem da bola no telhado é uma das mais recorrentes da minha infância. Uma linda tarde de jogo acabava subitamente num espectáculo de olhar para um telhado, e já farto de atirar pedras a ver se resolvia o problema, até que se fazia noite.

E passam as semanas e o espectáculo desiludido do acessível inacessível permanece. Mas a vida continua, até que uma bola nova e mais bonita faz esquecer a antiga.

E são estas as emoções pequenas da Vida. Particulares de uma existência que se vai afastando do impossível e que se quer centrar cada vez mais em abraços mais completos e mais reais. E horizontes acima dos telhados das casas. Para o Mundo, para um Universo chamado a ser transformado pela criatividade que me foi confiada.

É de alguma maneira participar de uma Criação impossível para as minhas forças, mas capaz de ser verdadeira quando é muito sincera em gestos pequenos de fazer o Bem.

6 comentários:

An@ disse...

gostei da imagem da bola=) parecemos nós, hoje em dia, a olhar para qualquer coisa que nos acontece e esperamos que se resolva... :)

* *

Anónimo disse...

...como os ping-pong's da vida...
Mas tudo o que custa o nosso esforço também nos atrai, por ser algo desejado, querido, procurado por nós. Os "espinhos" do caminho amadurecem-nos. Sem eles, possivelmente, não teríamos tanta fortaleza para fazer face aos embates e obstáculos que, quantas vezes, temos de enfrentar, afrontar e confrontar...

Discípulos disse...

Um Caminhito Completamente Novo

marta disse...

Por vezes, ainda bem que a bola vai para o telhado.... Podemos descobrir novas formas de estar na vida...

Anónimo disse...

Faz uma visita a http://detodososlugares.blogspot.com/

O disse...

A escrever como escreve, não estranho ouvir dizer que a revista "Xis" quer saber quando vem a Portugal para o poder entrevistar.

 

Cidade Eterna © 2010

Blogger Templates by Splashy Templates