06 maio 2007

Mãe


Hoje é o dia da Mãe! Não é fácil encontrar uma imagem ou uma cor que me fale da Mãe.

São sobretudo pequenas recordações, aquele beijinho e a oração ao anjinho da guarda, quando já estou deitado para dormir. Acordar com a porta fechada do quarto, para não ouvir o barulho da casa e poder dormir descansado.

São as primeiras memórias, as primeiras verdadeiras experiências de ser amado. Ainda quando não se percebe e não se tem capacidade de agradecer. Como se um dia se fosse capaz de agradecer a fundo...

Tenho um orgulho enorme na minha mãe... somos muito parecidos em muitas coisas, mesmo fisicamente. Aprendi o valor da calma, do silêncio e sobretudo da simplicidade. De pensar mais nos outros que em si. Cresci com alguém que é exemplo de uma vida completa e entregue. E continuo a perceber e a abraçar o que isto significa.

Parabéns! =)

2 comentários:

Teresa disse...

Emocionante e belo!!!
:)

J disse...

António,

Agradeco Lhe pela minha Mãe de quem gosto tanto e pela Mãe de todos nós que vela por nós.

Um grande beijinho em Cristo

 

Cidade Eterna © 2010

Blogger Templates by Splashy Templates