02 março 2009

O que precisamos


Hoje tive uma aula impressionante sobre o tema Literatura e Teologia. Fiquei com a sensação que o mundo da escrita é extraordinariamente potente. E fiquei ainda mais preso à necessidade que tenho de escrever e finalmente pôr em palavras, imagens e sons tantos sentimentos do que acredito ser a Vida e o que ela nos pede.


Dizia este professor que um texto literário nos pôe a viver mundos e situações que nunca viveríamos... talvez nunca venha a estar preso, ou perder-me no deserto, ou amar até à morte. Mas a verdade é que, lendo estas coisas, acabo por as viver, nas mesmas alegrias e nas mesmas angústias. O meu mundo e a minha experiência é ampliada até ao impossível, ao que é ficção, imaginário, mas que se torna real. Numa hora posso viajar a sítios que nunca iria.


O fascinante das palavras é que nos transportam além do quotidiano, sem nos arrancar do momento presente. Explicam de maneira palpável o que sinto, sem o conseguir expressar. E maravilho-me com a capacidade de o Homem se transcender assim, não há abismo nem céu que resista ao poder da imaginação. E como esta é o espaço de certezas e acolhimento daquilo que não conseguimos explicar e daquilo que não queremos ver em nós.


9 comentários:

susana disse...

criam-se mundo tão impressionantes com as palavras não é? Eu acho que a magia das palavras está mesmo na nossa possibilidade de nos transcederem... a noss areliadade, o nosso sentir, os nossos quereres... tenho a certeza que tens muito de ti para partilhar... as tuas palavras pelo menos a mim transcedem-me.
su

susana disse...

na sua.... desculpa o lapso:P sofro de dislexia cibernautica:P

Antonio Valerio, sj disse...

ola! sim, é isso mesmo... também gosto das tuas partilhas! É bonito conhecermos mundos diferentes e preciosos. Cada pessoa é um mistério! beijinho!

Carolina disse...

É exactamente isso que eu também sinto. Concordo com as tuas palavras. É realmente viajar connosco para mais do que nós... Obrigada pelas tuas partilhas. Tens me feito pensar imenso, é um bom exercício de crescimento! Obrigada. Um beijinho grande e uma fantabulástica semana para ti! :)

Mlee disse...

Cada livro é uma viagem nova e quantas vezes essa viagem o é não só para fora - em direcção ao "abismo ou ao céu" - mas também para dentro - de cada personagem cujas aventuras e vidas vivemos e tantas vezes se cruzam com as nossas próprias (gosto de livros "virados para dentro"), sendo que essa identificação é um dos muitos prazeres que se pode retirar da leitura de um bom livro.
Ler é, sem dúvida, uma das coisas boas da vida e uma fonte inesgotavel de ocupação de espaço ... já não sei onde enfiar mais uma estante ;)
beijinhos

Rosa disse...

"Um texto literário põe-nos a viver mundos e situações que nunca viveríamos"...
É isso mesmo António, talvez seja por isso que gosto tanto de ler, de estar rodeada de livros.
Fazem-nos estar presentes na história e em situações inimagináveis.
As frases e os pensamentos neles transmitidos originam em nós um sem número de sentimentos.
Sonhamos e viajamos...

Falando em viajar, de 15 a 20 de Março vou, se Deus quiser, realizar mais um sonho, desta vez a Roma, há "sua" Cidade Eterna, são poucos dias mas espero que dê para ficar a conhecer algumas das coisas mais importantes.

António, tenha uma boa tarde.
Abraços

Antonio Valerio, sj disse...

Olá Rosa! Que bom que vem cá, vai gostar muito,de certeza! Se precisar alguma coisa, diga, podemos entrar em contacto e até nos encontrarmos por aqui;) boa tarde!

Carolina disse...

Oláaaa Valério! Voltei aqui agora, porque esta tarde pensei imenso em ti. Estive no colégio (é optimo voltar lá). Estamos a preparar a semana inaciana, que começa já na segunda. E eu comprometi-me em ajudar o Grapa a preparar a vigilia de terça a noite, tendo em conta o MAGIS de Sto Inácio. (Ir mais a fundo, ser mais profundo...)E ao falar com o grupo da oração sobre ideias e coisas giras, pensei em ti! :) E pensei que se calhar, podias dar algumas dicas, já que tens uma criatividade incrivel! :D Portanto decidi arriscar e te lançar o "desafio-convite". Caso ocorra-te alguma ideia, claro! Nada que te possa ocupar mto tempo... Uma dica pa sermos nós a orientar! :P Obrigada, obgada, obgada e obgada! :) Beijinhos

Antonio Valerio, sj disse...

Olá Carolina! Pois assim de repente nao me lembro =P mas se me disseres mais concretamente o que pretendem, posso pensar nalguma sugestão, com todo o gosto* escreve-me p o mail e falamos =) beijinho e obrigado plo convite!

 

Cidade Eterna © 2010

Blogger Templates by Splashy Templates