27 abril 2007

Futuro


O fascínio do futuro. É o mistério do dia seguinte, da hora seguinte, ou o que estarei a fazer daqui a dez anos. Ao mesmo tempo, sementes de desafio, ou o medo de não encontrar o que agora anseio.

De todos os modos, chegará o momento esperado, desejado ou não. O futuro tem duas mãos, uma que me puxa irresistivelmente, outra que me tapa os olhos.

Traz-me a recompensa do trabalho presente, às vezes a desilusão dos sonhos. Surpresas, sobretudo....

Traz oportunidades de Vida, as de sempre, como as de hoje. Não sou proibido de sonhar, nem devo. Sou obrigado a esperar de coração uma realização de caminhos desconhecidos, esses sempre meus.

3 comentários:

Cátia disse...

Olá Antonio,

Está a nascer uma comunidade na blogosfera, com o objectivo da partilha da fé, de amor... Um lugar livre, onde as diferenças são aceites e onde todos queremos crescer, caminhar para Deus.

Chama-se "O Amor de Deus" e está no endereço http://www.oamordedeus.blogspot.com. Gostava de te convidar a participar, a te juntares a nós. Envia um mail para elsa.catia@gmail.com e enviar-te-ei um convite.

Convido também todos os que te visitam... enviem-nos um mail. O unico requisito é amar!!

mmaria disse...

António,

Não te conheço mas vim aqui parar através do site dis Jesuítas.Obrigada pelo que escreves aqui. Algumas coisas consolaram-me mesmo.

Se puderes manda um beijinho ao Afonso da Maria Durão.

Bjs

J disse...

António,

O futuro é uma porta aberta para a imaginação, para os nossos desenhos e sonhos. Muitas vezes é inesperado e supreendente, mas é tão bom que assim seja senão era um enjoo.

Um grande beijinho em Cristo

 

Cidade Eterna © 2010

Blogger Templates by Splashy Templates